Home / Atracções / Rua Nerudova

Rua Nerudova

Rua NerudovaOutra rua em Praga que não deve ser ignorada é a Rua Nerudova. Com o seu nome derivado do escritor checo do século XIX, Jan Neruda, esta rua é também parte da Via Real que os reis seguiam no seu caminho para a coroação, e muitas das casas que a rodeiam remontam aos tempos medievais. A rua também é conhecida pelos símbolos das casas, que foram usados até terem sido substituídos por números. Os símbolos, no entanto, diziam muito sobre o estatuto e ocupação do dono da casa. Por exemplo, há uma casa chamada Os Três Pequenos Violinos, o que era adequado, pois pertencia a uma família de fabricantes de violinos por volta do ano 1700. Outros exemplos incluem a Casa do Cálice de Ouro que pertencia a um ourives. A meio caminho pela rua acima, há uma casa verde que se destaca da fileira de casas. A lenda diz que um cavaleiro sem cabeça irrompe pelo edifício dentro todas as Sextas à espera que a sua alma seja libertada, mas ninguém sabe como o ajudar. Actualmente, muitas dessas casas peculiares foram transformadas em hotéis, restaurantes e pequenas lojas.

 

Sinais de Casas na Rua Nerudova

Os Três Violinos

Muitos dizem que um trio demoníaco toca aqui os seus instrumentos em noites de luar. Esta casa foi o lar de uma família de construtores de violinos no início do século XVIII e o sinal anuncia a sua arte. Como muitos dos outros edifícios situados nesta rua, este agora é o lar de um restaurante. Endereço: Nerudova 12.

O Diabo

Lúcifer aparece como um personagem carinhoso em casas por toda a cidade e na lenda local, mais um personagem folclórico do que um príncipe sinistro das trevas. Neste local ele seduzi-lo-á para jantar num restaurante não completamente infernal. Endereço: Nerudova 4.

O Cisne Branco

As casas em Praga não foram identificadas por números até 1770. A Imperatriz Maria Teresa trouxe a famosa característica de ordem dos Habsburgos de Viena para as margens do rio Vltava. Antes disso, as casas eram conhecidas e localizadas por um sistema encantador e confuso de símbolos alegóricos. Embora ainda seja possível encontrar esses endereços emblemáticos nas zonas mais antigas da cidade, a rua Nerudova em Malá Strana tem a maior concentração de sinais de casas na cidade. Originalmente, muitos destes tinham significado alquímico, embora muito do seu significado tenha sido perdido com o passar do tempo. O Cisne Branco é um destes e provavelmente originou-se como um ganso dourado. Endereço: Nerudova 49.

Os Dois Sóis

Esta casa foi o local de nascimento do muito amado poeta e autor checo Jan Neruda, em honra do qual a rua é nomeada. Tradicionalmente, esta era a área dos escritores e artistas de Praga, e Neruda transmitia a atmosfera boémia de Malá Strana no seu trabalho. O vínculo ainda persiste nos dias de hoje, com as muitas galerias de arte de pequena dimensão e lojas de artesanato do bairro. Endereço: Nerudova 47.

A Chave Dourada

Ourives do castelo, tais como os que trabalhavam nesta casa no século XVII, pagavam taxas à cidade, ao contrário dos seus colegas que viviam na Ruela Dourada do castelo. Como tal, eles tinham o direito de publicitar os seus artigos, tal como atualmente preservado no frontispício deste edifício. Endereço: Nerudova 27.

A Lagosta Verde

Provavelmente ninguém sabe o que eles estavam a pensar quando enforcaram o crustáceo por cima da sua porta. Endereço: Nerudova 43.

Os Três Lírios

Embora a sua imagem já não enfeite o frontispício, as três flores permanecem por cima da casa. A casa também dá o seu nome a um conto de paixão e tempestades por Jan Neruda. Muitos dos contos do autor acontecem em casas como esta. Endereço: Nerudova 15.

Nerudova street house signs

[mappress mapid=”18″]

Check Also

Ponte Carlos

A Ponte Charles, do século XIII, costuma estar cheia de turistas e checos em igual número, sobretudo durante os meses de Primavera e Verão. A Ponte Charles certamente ocupa a posição de atracção turística mais importante da cidade e deve ser o primeiro item na sua lista de sítios a ver.